terça-feira, 4 de maio de 2010

A 3º Peregrinação...



Pelo "camino" de Portugal carimbamos a terceira viagem a Santiago de Compostela. O diário de bordo regista mais uma peregrinação de 250 km que nos levou de volta a Praça do Obradoiro.


1ª Etapa (1ª Secção: Rates - Esposende) 29/4

Desancoramos em Rates, a Norte do Porto de onde saímos no primeiro dia para fazer o caminho da costa até Cerveira. No zig Zag de placas vermelhas rodopiamos 49 km até Esposende onde decidimos seguir pela Nacional 13 para compensar o atraso que tal gincana nos provocou. Num cocktail de maresia à minhota com cheiro a alcatrão queimado, engolimos 60 km de estrada em 3 horas de costa sempre com o mar por perto. Viana do Castelo, Vila Praia de Ancora, Moledo e Caminha foram testemunhas desta aventura. No raiar do dia, o veado de Cerveira ofegava-nos as boas vindas à chegada da 1ª etapa. O conta km tinha passado os 3 dígitos lembrando-nos os 110 km que acabávamos de deixar para trás. No silêncio da pacata vila abraçamos as tinitas que dormiram ao relento na pousada onde recuperávamos o folgo para a 2ª etapa.


1º Etapa (2º Secção: Esposende - Cerveira) 29/4

Manhã cedo, espreguiça-mo-nos com vista para Espanha que nos chamava do outro lado do rio Minho para o segundo dia da nossa peregrinação. Ao passar a ponte da amizade somamos mais uma hora aos nossos relógios para saltar de meridiano até às bombas mais próximas. Já com água espanhola tiramos a lama da véspera para que as companheiras de viagem pudessem entrar em Tui de cara lavada. Aqui começava a 1º secção do dia que nos transportava até Porrinõ onde provamos a famosa tortilha.


2ª Etapa (1º Secção Cerveira - Porrinõ) 29/4

Repostas as calorias arrancámos para as 3 subidas que nos levavam a PonteVedra. 40 km onde tivemos de tudo para saborear a heterogeneidade destes terrenos. Cruzamos estradas, linhas férreas, pontes medievais, bosques frondosos e polignos industriais até chocarmos com a hora de ponta da pequena metrópole que nos recebia para o final de mais uma etapa.


2ª Etapa (2ª Secção: Porrinõ - PonteVedra) 30/4

No albergue de PonteVedra entre 56 peregrinos descansa-se tudo menos os ouvidos. Durante a noite alongamos as pernas o mais que podemos para a última das tiradas. Restavam 65 km até Santiago para serem conquistados em duas secções.

De manhã rolamos até Padron onde paramos para almoçar. Para a parte da tarde ficavam os derradeiros 20 km até à catedral que levávamos no pensamento desde Quinta-Feira.

3ª Etapa (1ª Secção: PonteVedra - Padron) 1/5


3ª Etapa (2º Secção: Padron - Compostela) 1/5

Mais uma grande epopeia da nação peluda que levou o nosso nome até terras de nuestros hermanos. Mais uma vez contamos com a incansável ajuda das esposas de serviço que asseguraram os pormenores da logística. Aos 7 pelos internacionais que levaram a bom porto esta aventura fica o reconhecimento de mais uma jornada de sucesso.



Bom camino a todos os peregrinos e até para o ano…


Foto Reportagem Aqui...

2 comentários:

Nuno disse...

Sim senhor!
Grande rescaldo!
Já estou com saudades desses dias na estrada, mesmo com alguns desvios e noites mal dormidas, valeu mesmo a pena.
Abraço a todos!

Carlos disse...

Que grande equipa, sim senhor. Estão todos de parabéns

Pelises